Quem sou eu

Minha foto
Uma Pessoa Amiga de Bem com a Vida. Amo ao meu amado Jesus Porque Ele me amou Primeiro...

Clamor a Deus.


Clique aqui e escolha a sua no Site TonyGifsJavas.com.br

ADOR DO SOFRIMENTO.{ADOR OF SUFFERING.}

PALAVRAS DE JÓ:
(Livro de Jô Varias Passagens Da Bíblia)



Deitando-me a dormir,
então digo:
Quando me levantarei?

Mas comprida é a noite, e farto-me de me revolver na cama até à alva. Lembra-te de que a minha vida é,
como o vento; os meus olhos não tornarão a ver o bem.
Então respondeu elifas,o temanita, “amigo de jó” e disse:
Se intentarmos falar-te enfadar-te-as, mas quem poderá contar as palavras?
Eis que ensinastes a muitos, e esforçaste as mãos fracas.
As tuas palavras levantaram os que tropeçaram, e os joelhos desfalecentes fortificaste.
Mas agora atí te vem, e te enfadas: e, tocando-te a ti, te pertubas.
Porventura não era o teu temor de Deus a tua confiança
E a tua confiança, e a tua esperança a sinceridade dos teus caminhos?
Lembra te agora de qual é o inocente que já mais perece?
O
salmista davi ainda na sua angustia clamava ao senhor Deus,na sua
sinceridade e confiança na quele que tudo pode, e nada detem o seu
poder, operando Deus quem impedi

Relógio Digital

Total de visualizações dos visitantes

Translate

Programa a Voz da Libertação (IPDA)

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Receitas para a saúde: Aipo

O aipo é um dos vegetais que tende a se sentar na geladeira depois de comprar um monte, porque a receita para a sopa ou guisado, ou, como abordagens de Ação de Graças, enchendo as chamadas para uma haste. Aipo mantém por semanas, mas um monte de caules caídos ainda são jogados fora. Isso é muito ruim, porque há muitas coisas para fazer com esse vegetal, e os talos de concurso interno que provavelmente não se acostumar - o coração - são a melhor parte.

Aipo contém fitoquímicos chamado phthalides, que alguns estudos têm mostrado reduzir os hormônios do estresse e de trabalho para relaxar a musculatura das paredes das artérias, aumentando o fluxo sanguíneo. Como resultado, tem sido muito utilizado na medicina chinesa para ajudar a controlar a pressão arterial elevada. O aipo é uma excelente fonte de vitaminas K e C, e uma fonte muito boa de potássio, folato, fibras alimentares, molibdênio, manganês e vitamina B6. - Martha Rosa Shulman

Salada de Arroz Selageoaipo

Publicado em: novembro 14, 2008

Eu acho que essa salada de limão, como uma salada prato principal, que faz um almoço perfeito, mas seria uma adição bem-vinda a uma acção de graças tabela.

Para a salada:

Água de 1 quarto, caldo de galinha ou caldo de legumes

1 xícara de arroz selvagem, lavadas

Sal a gosto

1 / 3 xícara de nozes levemente tostadas peças quebradas

3 talos de aipo, de preferência a partir do coração, em fatias finas na diagonal (cerca de 1 1 / 4 xícaras)

1 / 2 xícara de salsa fresca picada

1 colher de chá de sálvia fresca picada (2 folhas de bom tamanho) (opcional)

Para o molho:

2 colheres de sopa de sumo de limão

2 colheres de vinagre de vinho tinto, vinagre de vinho branco ou vinagre de xerez

Um pequeno dente de alho picados

Sal e pimenta a gosto

3 colheres de sopa de óleo de nozes

3 colheres de sopa de azeite extra virgem

2 colheres de sopa de leitelho ou iogurte com pouca gordura

1. Levar a água ou caldo a ferver numa panela grande, adicione sal a gosto eo arroz selvagem. Abaixe o fogo, tampe e cozinhe por 40 minutos, ou até o arroz ficar macio e espalmadas. Escorra e misture numa tigela com os ingredientes da salada restantes.

2. Misture o suco de limão, vinagre, alho, sal e pimenta. Misture o óleo de noz, óleo de oliva, e leitelho ou iogurte. Misture com a mistura de arroz selvagem. Prove e ajuste os temperos e sirva.

Rendimento : 4 a 6 porções

Advance preparação : Você pode montar a salada de várias horas antes de servir. Se você desejar atirá-lo com o molho para que o arroz marinates por um tempo, não adicione a salsa. Adicione um pouco antes de servir, ou a cor desaparecerá.

Aipo e sopa de batata

Publicado em: 12 nov 2008

Este puré de aipo luz é mais do que batata. O engrossa a sopa de batata, um potage simples que é tra

Salada Waldorf curry

Publicado em: 13 de novembro de 2008
Para o Molho:

A salada Waldorf original combinado aipo, maçã e maionese, com nozes e passas depois adicionados à mistura. Esta versão utiliza menos de maionese (eu iogurte substituto para alguns dos maionese no original), mas tem o doce, salgado e crocante mesma mistura de aipo, maçã, passas e nozes. Corte as maçãs eo aipo finas para uma salada mais elegante.

2 colheres de sopa de sumo de limão

2 colheres de sopa de maionese

1 / 2 copo de iogurte desnatado puro

3 / 4 colher de chá de caril em pó

1 / 2 colher de chá de cominho em pó

Sal a gosto

Para a salada:

2 maçãs fuji

2 colheres de chá de suco de limão

1 / 3 xícara de metades de nozes levemente tostadas

1 xícara de aipo em fatias finas, a partir do coração do salsão

1 / 4 xícara de passas

1 / 4 xícara de folhas de aipo e salsinha (ou 2 colheres de sopa de cada), picado grosseiramente

1. maionese Misture o suco de limão, iogurte, curry, cominho e sal. Ponha de lado.

2. Corte a maçã em 12 fatias. Corte o núcleo de cada fatia e corte em fatias finas no sentido transversal. Misture em uma tigela grande com 2 colheres de chá de suco de limão.Adicione os ingredientes restantes e misture bem.

3. Pouco antes de servir misture a salada com o molho.

Rendimento : 6 porções

A preparação avançada : Este irá realizar por algumas horas na geladeira.zida à vida pela pequena quantidade de óleo de noz que é regada em c
ada porção.

2 colheres de azeite

1 cebola pequena picada

Uma grande parte ou 2 alhos franceses médios, branco e luz verde apenas, limpos e cortados

6 talos de aipo, fatiado (cerca de 3 / 4 de libra)

Kosher sal

1 batata russet médio porte, cerca de 10 onças, descascadas e cortadas em cubos

4 dentes de alho descascados e metade, brotos verdes removido

Um bouquet garni feito uma folha de louro e alguns raminhos de salsa e tomilho cada, amarrados

7 xícaras de caldo de galinha ou água

Pimenta preta recém moída

Para enfeitar:

2 colheres de óleo de noz

1 / 4 xícara grande em fatias finas o aipo

cebolinho picado ou cerefólio (opcional)

1. Aqueça o azeite em fogo médio-baixo, adicione a cebola, o alho-poró e aipo e cozinhe lentamente, mexendo sempre, por cerca de 10 minutos, até ficar tenra. Adicione sal 1 / 2 colher de chá kosher após os primeiros 5 minutos.Certifique-se que os vegetais não de cor.

2. Adicione as batatas, o alho eo bouquet garni. Mexa bem e adicione a água ou caldo.Leve para ferver, adicione sal a gosto, tape e deixe cozinhar 30 a 40 minutos, até que os vegetais são muito macios e perfumados caldo. Retire do fogo.

3. Remova o bouquet garni da sopa. Usando um misturador da imersão, puré da sopa (ou você pode colocá-lo através da lâmina fina de uma fábrica de alimentos ou uso de um liquidificador regular, trabalhando em lotes e colocando um pano de prato por cima para evitar salpicos). Em seguida, passe por uma peneira média (este passo é importante, senão a sopa vai ser pegajoso), usando um pilão ou no fundo de uma panela de sopa para empurrar a passar. Certifique-se de raspar a parte externa do filtro de modo que todo o purê de volta para a sopa. Voltar à panela, mexa com um batedor até mesmo a textura, o calor através de e tempere bem com sal e pimenta.

4. Concha a sopa em tigelas e decore cada taça com algumas fatias finas de salsão e cerca de 1 / 4 colher de chá de óleo de noz. Polvilhe com cebolinha picada e cerefólio, se desejar, e sirva.

Rendimento : Serve 6-8

Advance preparação : Você pode fazer isso várias horas ou mesmo um dia antes. Leve à geladeira em recipientes fechados. Quando aquecer, misture a sopa para suavizar o purê (que vai separar enquanto se senta).

Receitas para a saúde

A maneira mais fácil e agradável de comer bem é cozinhar. Receitas para a saúde oferece receitas com um olho para capacitar você cozinhar refeições saudáveis por dia. Produzir, sazonal e crescido localmente quando possível, e uma despensa bem abastecida são os sustentáculos de uma boa dieta e, consequentemente, as receitas de cada semana vai girar em torno de um determinado tipo de produto ou um item de despensa. Esta é a comida que é vibrante e leve, cheio de nutrientes, mas de forma divertida, ascético para cozinhar e um prazer de comer.

One Culture’s Ratatouille Is Another’s Fill-in-the-Blank

CONHECENDO A PALAVRA DE DEUS.

CONHECENDO A PALAVRA DE DEUS.

A inveja é um sentimento satânico e suas conseqüências são desastrosas.
O sacrifício que caim ofereceu a Deus não o agradou,
ao contrário do sacrifício oferecido por Abel.
Então, movido de inveja, Caim matou a seu irmão Abel.
A inveja mata. O primeiro homicídio foi provocado pela inveja (Gn 4.3-8). Por inveja, jesus foi entregue para ser condenado à morte na cruz (Mt 27.18).
Mas nem sempre a inveja leva à morte o invejado.
às vezes, ela leva à morte o próprio invejoso.
No Livro de Ester, Hamã, por inveja, chega a fazer uma forca para Mardoqueu. Mas è Hamã que acaba morto na forca que ele mesmo construirá (Est 7.9.10).
Os principais mandamentos ordenados por Deus são:
amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo. Assim, da mesma forma que a idolatria é incompatível com o amor a Deus, a inveja é incompatível com o amor ao próximo. E do mesmo modo que é impossível o Idólatra ser um salvo, também é impossível que o invejoso o seja.
A inveja é um sentimento satânico (Tg 3.14,16). Satanás foi expulso do Éden devido a sua inveja a Deus (Ez 28.13,19: Is 14.11,15). E por inveja a Deus, Satanás influencia o homem,
levando-o a cultuá-lo através de rituais Satanás também tem inveja do homem salvo que vai morar onde ele não pode mais entrar.
E assim, ele luta com o crente, tentando arrastá-lo para o inferno (I Pe 5.8).

A Palavra de Deus é eterna e nunca falha

Números 23:19 Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa: porventura diria ele, e não o faria? ou falaria, e não o confirmaria? Josué 23:14 ... e vós bem sabeis, com todo o vosso coração, e com toda a vossa alma, que nem uma só palavra caiu, de todas as boas palavras que falou de vós o Senhor, vosso Deus; todas vos sobrevieram, nem delas caiu uma só palavra. 1 Reis 8:56 ...nem uma só palavra caiu de todas as suas boas palavras... Salmos 18:30 O caminho de Deus é perfeito; a palavra do Senhor é provada; é um escudo para todos os que nele confiam. 33:11 O conselho do Senhor permanece para sempre: os intentos do seu coração, de geração em geração. 100:5 Porque o Senhor é bom, e eterna a sua misericórdia; e a sua verdade estende-se de geração em geração. 102:18 Isto se escreverá para a geração futura; e o povo que se criar louvará ao Senhor. 117:2 ... a verdade do Senhor é para sempre... 119:89 Para sempre, ó Senhor, a tua palavra permanece no céu. 119:160 A tua palavra é a verdade, desde o princípio, e cada um dos teus juízos dura para sempre. 146:6 Que fez os céus e a terra, o mar e tudo quanto há neles, e que guarda a verdade para sempre; Provérbios 22:21 Para te fazer saber a certeza das palavras da verdade ... 30:5,6 Toda a palavra de Deus é pura; escudo é para os que confiam nele. Nada acrescentes às suas palavras, para que não te repreenda e sejas achado mentiroso. Isaías 34:16 Buscai no livro do Senhor, e lede; nenhuma destas coisas falhará, nem uma nem outra faltará; porque a minha própria boca o ordenou, e o seu espírito mesmo as ajuntará. 40:8 Seca-se a erva, e caem as flores, mas a palavra do nosso Deus subsiste eternamente. 46:11 ... porque assim o disse, e assim acontecerá; eu o determinei, e também o farei. 55:11 Assim será a palavra que sair da minha boca: ela não voltará para mim vazia, antes, fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei. Daniel 4:37 Agora, pois, eu, Nabucodonosor, louvo, e exalço, e glorifico a lei do céu; porque todas as suas obras são verdade, e os seus caminhos juízo ... Mateus 24:35 O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão-de passar. Minhas Palavras Não Hão De Passar - A Família João 10:35 ...a Escritura não pode ser anulada. Tito 3:8 Fiel é a palavra, e isto quero que deveras afirmes, para que os que crêem em Deus procurem aplicar-se às boas obras; estas coisas são boas e proveitosas aos homens. Hebreus 1:11 Eles perecerão, mas tu permanecerás; e todos eles, como roupa, envelhecerão 13:8 Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente. Tiago 4:5 Ou cuidais vós que em vão diz a Escritura ...? 1 Pedro 1:25 Mas a palavra do Senhor permanece para sempre; ... Apocalipse 21:5 ... E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.

Contador Bandeira

Flag Counter
Flag Counter

ESTUDOS DA BÍBLIA.

ESTUDOS DA BÍBLIA.

OBJETIVO: Apresentar a salvação toda: a salvação da culpa do pecado por meio da justificação, graças ao sacrifício vicário de Jesus Cristo; a salvação do poder do pecado por meio da santificação progressiva, graças à habitação do Espírito em nós; e a salvação da presença do pecado em nós e ao nosso redor por meio da glorificação do corpo e da criação, graças ao poder de Deus em fazer novas todas as coisas.

MEU LEMA: (JO 3:16) - Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Aqui você encontrará diversos assuntos relacionados com a Palavra de Deus.
MENSAGEM:
PERDAS E GANHOS
FILIPENSE 3:7 - Mas o que, para mim, era lucro, isto considerei perda por causa de Cristo.
A matemática é uma ciência exata, e a contabilidade não poderia ser diferente. Quando queremos saber se algum empreendimento está dando lucro, valemo-nos dela e registramos as perdas e os ganhos a fim de averiguar o saldo, que pode ser positivo ou negativo. Na vida não é diferente – e para o brasileiro isso parece ainda mais real, pois constantemente ele se pergunta: “O que eu ganho com isso?”
Ouço algumas pessoas dizer que não querem tornar-se cristãs porque perderão muitas coisas que o mundo tem a oferecer. Mas será verdade? Resolvi então fazer um balanço: O que eu ganho e o que perco em seguir a Cristo?
Perdi a culpa do pecado e ganhei o perdão e a reconciliação com Deus.
Perdi a escravidão que o pecado me impunha e ganhei a liberdade em Cristo.
Perdi a ganância em obter sempre mais e mais e ganhei a satisfação e a gratidão com o que já tenho, sabendo que Deus vai suprir todas as minhas necessidades (Fp.4:19).
Perdi a vontade de buscar em bebidas, drogas ou festas uma alegria passageira e ganhei a verdadeira felicidade, de mesmo em meio a grandes dificuldades ter a alegria do Senhor.
Perdi alguns “amigos”, que muitas vezes só eram meus amigos por interesse, e ganhei muitos irmãos e irmãs em Cristo.
Perdi a necessidade de confiar em mim e em meus fracos recursos e ganhei a confiança em um Deus que é muito maior, que sabe todas as coisas, que está sempre presente e me ama.
Perdi a necessidade de buscar uma razão para a vida e ganhei a perspectiva de Deus do que realmente importa e que é eterno.
Posso dizer o mesmo que Paulo, que aos olhos humanos perdeu uma posição invejável, mas ganhou a Cristo, algo muito mais precioso.
Faça um balanço de sua vida e, se o saldo der negativo, convide Cristo para entrar nela e transformar seu patrimônio.
Com Cristo o saldo da sua vida será sempre positivo.

O homem frutífero do Salmo 1

O homem frutífero do Salmo 1

O homem frutífero do Salmo 1 medita na Palavra de Deus "de dia e de noite", não por um sentido de obrigação, mas porque tem nela o seu "prazer". Em sua mente e em seu coração, continuamente, a Palavra de Deus o guarda e o guia. Como isso é essencial! Lógica e bom senso são úteis. No entanto, sem a Palavra de Deus (que transcende a sabedoria humana) para nos guardar e guiar, somos suscetíveis a tentações e a erros, especialmente quando esses últimos são apresentados convincentemente "em nome de Deus" por aqueles que são respeitados como líderes cristãos.

Deus opera por meio de Sua Palavra: "A palavra que sair da minha boca, não voltará para mim vazia" (Is 55.11a); "Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti" (Sl 119.11). E Satanás opera para remover a Palavra de Deus do coração do homem: "...vem o maligno e arrebata o que lhes foi semeado no coração" (Mt 13.19). Quando isso lhe é vantajoso, Satanás cita as Escrituras (Mt 4.6) e tenta pervertê-las com o propósito de enganar. Ele inspira os falsos profetas com "novas revelações" que subvertem a Palavra. Temos muitos desses "profetas" na Igreja hoje em dia.

Advertência Sobre os Falsos Profetas

A Palavra de Deus repetidas vezes adverte contra falsos profetas. Precisamos dar ouvidos a essas advertências. Jesus mesmo disse: "Acautelai-vos dos falsos profetas" (Mt 7.15). "Levantar-se-ão muitos falsos profetas e enganarão a muitos... operando grandes sinais e prodígios para enganar, se possível, os próprios eleitos" (Mt 24.11,24). Cristo avisa claramente sobre um movimento de falsos sinais e maravilhas nos últimos dias, promovido pelos falsos profetas. Paulo compara esses falsos profetas a Janes e Jambres, que se opuseram a Moisés e Arão (2 Tm 3.8) com sinais e maravilhas operados pelo poder de Satanás.

Pedro advertiu que assim como houve falsos profetas no tempo do Antigo Testamento, "assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão dissimuladamente heresias destruidoras..." (2 Pe 2.1). O apóstolo João declarou que já em seus dias "muitos falsos profetas têm saído pelo mundo" (1 Jo 4.1). Quanto mais, portanto, deveríamos nós estar alertas quanto aos falsos profetas à medida que a apostasia profetizada para os últimos dias atinge o seu clímax, preparando o mundo e uma falsa igreja para a chegada do Anticristo! Conhecer, amar e obedecer à Palavra de Deus é o único meio seguro de não sermos enganados.

Qualquer uma das seis marcas dos falsos profetas que a Bíblia oferece serve como identificação suficiente: (1) por meio de sinais e maravilhas eles desviam pessoas para servirem a deuses falsos (Dt 13.1-4); (2) suas profecias não se realizam (Dt 18.20-22); (3) eles contradizem a Palavra de Deus (Is 8.20); (4) eles produzem maus frutos (Mt 7.18-20); (5) todos falam bem deles (Lc 6.26); (6) eles negam que Jesus, o único Messias, veio de uma vez por todas na carne (1 Jo 4.3).

Como é trágico que a carta pessoal de amor e orientação de Deus para Seu povo seja tão negligenciada hoje por aqueles que se chamam crentes! Muitos que professam conhecer a Deus e servi-lO têm pouca ou nenhuma sede por Sua Palavra. Em vez disso, buscam sinais e maravilhas, experiências emocionais, novas revelações, o último "mover" do Espírito, ou os dons em lugar do Doador. Como resultado, são suscetíveis a todo "vento de doutrina" (Ef 4.14) e caem vítimas de falsos mestres que "...movidos por avareza, farão comércio de vós com palavras fictícias..." (2 Pe 2.3), "supondo que a piedade é fonte de lucro" (1 Tm 6.5). A mentira popular da "semente de fé" – a idéia de que uma contribuição para um ministério abre a porta para milagres e prosperidade – engana e promove cobiça entre os milhões que ignoram a Palavra de Deus.

O cumprimento das profecias bíblicas é a grande prova da existência de Deus, de que a Bíblia é Sua Palavra, e de que Jesus Cristo é o Salvador prometido. As falsas profecias de muitos dos atuais líderes cristãos são um sinal de alarme estridente. É preciso ouvi-lo! A maior parte das seitas se baseia em falsas profecias que, se apontadas, oferecem uma maneira eficaz de abrir olhos cegos e libertar os membros de tais seitas.

Os Falsos Profetas no Decorrer da História

Entre os falsos profetas das muitas eras da História se encontram vários papas. Como exemplo, a encíclica papal de Gregório XI em 1372 (In Coena Domini) pronunciou o domínio papal sobre todo o mundo cristão, secular e religioso, e decretou a excomunhão para todos que não obedecessem ao papa e não lhe pagassem impostos. In Coena foi confirmada por papas subseqüentes, e em 1568, o papa Pio V jurou que ela deveria permanecer como lei eterna. No entanto, em 1870, dois meses depois do Vaticano pronunciar o dogma da infalibilidade papal, Roma foi libertada do domínio do papa pelo exército italiano, e o papa Pio IX se refugiou no Vaticano, tudo que restara de um vasto império.

Imitando os papas, Sun Myung Moon, da Igreja da Unificação, profetizou décadas atrás que ele iria conquistar o mundo. Maharishi Mahesh Yogi, fundador do movimento de Meditação Transcendental, declarou que 1975 seria o primeiro ano da "Era da Iluminação", 1977 seria o "Ano da Sociedade Ideal", e 1978 seria o "Ano da Invencibilidade de Todas as Nações". Nenhum comentário precisa ser feito. Herbert W. Armstrong profetizou que a sua Igreja Mundial de Deus seria arrebatada para a antiga cidade de Petra em 1972 e que Cristo voltaria à Terra em 1975 (uma data favorita de muitas seitas). No final dos anos 70, Elijah Muhammad profetizou para seus seguidores muçulmanos negros que o retorno de Deus à América do Norte era iminente.

O mormonismo se vangloria de seus profetas – mas todos eles são falsos. Em 1833, o profeta fundador, Joseph Smith, profetizou que os Estados Unidos sofreriam vários desastres sem igual ("peste, granizo, fome e terremotos") que extirpariam os ímpios (não-mórmons) da terra, deixando os mórmons seguros em seu refúgio de Sião, em Missouri. Em vez disso, os mórmons emigraram (fugidos) para Utah. Entre as muitas outras profecias falsas de Smith está a declaração, feita em 1835, de que Cristo voltaria dentro de 56 anos, e que muitos dos que então viviam "não provariam a morte até que Cristo voltasse".[1] O sucessor de Smith, Brigham Young, profetizou que a guerra civil americana não produziria a libertação dos escravos.

As falsas profecias de Charles Taze Russell formaram a base do que viria a ser a Sociedade Torre de Vigia e a seita Testemunhas de Jeová. Russell declarou que a segunda vinda de Cristo tinha ocorrido invisivelmente em outubro de 1874, que o Senhor estava verdadeiramente presente, e que em 1914, os fiéis (os 144.000) seriam trasladados ao céu e os ímpios destruídos. Armagedom, que começara em 1874, culminaria em 1914 com a derrubada geral dos governantes da Terra e o fim do mundo. Charles T. Russell, ainda na terra, morreu em 1916.

No começo da década de 20, os Testemunhas de Jeová distribuíram nas ruas e de porta em porta um livro intitulado Millions Now Living Will Never Die (Milhões Hoje Vivos Jamais Morrerão). Foi profetizado: "O ano de 1925 é uma data definitiva e claramente marcada nas Escrituras, ainda mais clara que a de 1914... podemos esperar confiantemente que o ano de 1925 marcará o retorno de Abraão, Isaque e Jacó e dos fiéis profetas antigos... na condição de perfeição humana."[2] Os Testemunhas de Jeová chegaram a construir uma casa na cidade de San Diego, na qual os patriarcas deveriam morar, e tentaram passar a escritura em nome do Rei Davi. (A casa foi discretamente vendida em 1954.)

No começo dos anos 40, os Testemunhas de Jeová estavam afirmando que o Armagedom, que estava apenas há alguns meses adiante, colocaria um fim à Segunda Guerra Mundial, e que a derrota dos nazistas traria o reino de Deus à terra.[3] Seu livro Children (Filhos) sugeria que planos de casar e constituir família deveriam ser adiados até depois do Armagedom. Que longa espera! Sem desistir, profetizaram depois que o reino milenar de Deus começaria em 1975. Uma vez mais os Testemunhas de Jeová receberam ordens de não fazerem planos para este mundo, inclusive casar e ter filhos. Muitos abandonaram seus empregos, venderam suas casas e dedicaram-se a ir de porta em porta vendendo literatura e propagando a seita.

O Adventismo do Sétimo Dia (ASD) também se originou com falsas profecias sobre a volta de Jesus Cristo. Tudo começou com William Miller, que predisse que Cristo voltaria em 1843 (data que foi revisada para 22 de outubro de 1844). Miller admitiu seu erro. No entanto, a profetisa do ASD, Ellen G. White, que repetidas vezes endossara a profecia de Miller, insistiu que Cristo havia retornado de fato, mas não para a terra. Em vez disso, Ele havia entrado no "santo dos santos" no céu, "para fazer expiação por todos quantos se mostrassem merecedores dos seus benefícios."[4] Merecedores? Muitas citações podem ser fornecidas para provar que Ellen White ensinava a salvação pelas obras. Eis aqui algumas:

Nossos atos, nossas palavras, até mesmo nossos motivos mais secretos, todos têm seu peso na decisão de nossos destinos... embora... esquecidos por nós, nossas obras darão seu testemunho de justificação ou condenação.[5]

Quando qualquer pessoa tiver pecados que permaneçam no livro de registros, pelos quais não se arrependeu e que não lhe foram perdoados, seus nomes serão apagados do livro da vida...[6]

Cada um de vós deve... trabalhar com toda força para redimir as falhas de sua vida passada. Deus vos colocou num mundo de sofrimento para vos provar, a fim de ver se sois dignos de receber o dom da vida eterna.[7]

Este ensino do "juízo investigativo" é a doutrina fundamental e a principal heresia do Adventismo do Sétimo Dia: que a expiação de Cristo não foi completada na cruz, mas que começou em 1844 no céu, e depende de nossas obras. De acordo com Ellen White, o sangue de Cristo, ao invés de fazer "expiação pela alma" (Lv 17.11) e de nos "purificar de todo o pecado" (1 Jo 1.7), levou o pecado ao céu: "Nossos pecados foram, de fato, transferidos para o santuário celestial pelo sangue de Cristo".[8] Assim Cristo tinha que começar a obra de purificar o santuário celestial (dos pecados que o Seu sangue levara até lá!) por meio do "juízo investigativo". Ellen White declarou que "ministros que não aceitassem essa mensagem salvadora estariam impedindo a obra de Deus" e que "o sangue das almas permanece sobre eles".[9] Os seguidores de William Miller que adotaram esse engano se tornaram Adventistas do Sétimo Dia.

Ellen White fez várias profecias falsas: que "a antiga cidade de Jerusalém jamais seria reconstruída",[10] que ela estaria viva por ocasião do Arrebatamento,[11] que Cristo iria retornar antes da abolição da escravatura,[12] que os Adventistas que estivessem vivos em 1856 estariam vivos por ocasião do Arrebatamento,[13] e muitas outras. No entanto, seus escritos são reverenciados como se fossem parte da Escritura Sagrada. O décimo sétimo artigo das Crenças Fundamentais do Adventismo do Sétimo Dia afirma:

O Dom de Profecia: Um dos dons do Espírito Santo é a profecia. Esse dom é uma marca de identificação do remanescente fiel da Igreja e foi manifestado no ministério de Ellen G. White. Como mensageira do Senhor, seus ensinos são uma fonte contínua e autorizada de verdade que suprem à igreja o consolo, a orientação, a instrução e a correção.

Profetas Modernos "Inexperientes"

Falsos profetas continuam entre nós e, muitas vezes, são vistos e ouvidos em programas de rádio e televisão evangélicos. Por exemplo, lá pelo fim de 1975, Kenneth Copeland profetizou: "Quando chegar o mês de janeiro [de 1976], vocês verão mais do derramar da glória de Deus do que em toda a história do mundo... membros amputados serão reimplantados pelo poder de Deus... instantaneamente... os cabelos de homens carecas crescerão e formarão uma farta cabeleira... globos oculares surgirão onde antes não existiam... Deus fará com que o seu automóvel... que faz quinze quilômetros com um litro de combustível, faça uma média de cem quilômetros por litro... o mesmo velho carro!" Essas são apenas algumas das falsas profecias de Copeland, para não falar de suas falsas doutrinas.

As falsas profecias e as "palavras de conhecimento" proferidas pelos associados de John Wimber e suas Igrejas Vineyard (da Vinha) encheriam vários volumes. O reavivamento das gargalhadas que se originou em Toronto e sua última variação (que se espalha como fogo no capim seco) em Brownsville, Pensacola (Flórida/EUA), produziu uma nova geração de falsos profetas. A falta de cumprimento é desculpada com a idéia de que os profetas de hoje são "diferentes" e erros são normais durante o processo de aprendizado, até que os profetas ganhem experiência. Imagine Jeremias dizendo: "Eu erro muitas vezes, mas estou melhorando"!

Benny Hinn é o mais popular dos televangelistas/operadores de milagres de hoje, e muitas de suas falsas profecias estão documentadas no livro The Confusing World of Benny Hinn (O Confuso Mundo de Benny Hinn). Em 31 de dezembro de 1989, Benny Hinn disse: "O Senhor também está me dizendo que por volta de 1994 ou 1995, mas não depois disso, Deus destruirá por fogo a comunidade homossexual americana... O Canadá experimentará um poderoso reavivamento que começará na Colúmbia Britânica, na costa oeste... nos próximos três anos." Basta uma falsa profecia para estabelecer alguém como falso profeta, e as de Benny Hinn são uma legião. Ele nem mesmo consegue dar seu testemunho correto. No livrete PTL Family Devotions (Devoções Familiares PTL) ele diz: "Eu fui salvo em Israel em 1968", mas numa mensagem de 1983, em Saint Louis, ele disse: "Foi no Canadá que eu nasci de novo, pouco depois de 1968". No entanto, no livro Bom Dia, Espírito Santo, ele afirma ter-se convertido em 1972, durante seu último ano no colegial. Mas ele abandonou a escola antes de chegar ao terceiro colegial. Afinal, quando é que ele foi salvo?

Obediência à Palavra

Por três anos, noite e dia, Paulo chorou e advertiu os presbíteros de Éfeso da apostasia que se aproximava e que alguns dentre eles seriam os seus líderes (At 20.29-31)! Como é pequena nossa preocupação com a condição espiritual da Igreja, quando comparada com a de Paulo! E qual foi o remédio que ele ofereceu? Não foi batalha espiritual, nem jejum e oração, mas obediência a Deus e à Sua Palavra: "Agora vos encomendo ao Senhor e à palavra da sua graça" (v. 32).

Há um grande movimento que promove "oração e jejum em busca de reavivamento". Isso soa tão bem! Mas os líderes desse movimento se recusam a dar ouvidos à Palavra de Deus, e promovem o ecumenismo e as heresias! Não precisamos desse tipo de reavivamento! Precisamos de arrependimento por não obedecermos à Palavra de Deus. Precisamos de reforma, não de reavivamento! Há ocasiões em que oração e jejum são errados. Depois da derrota em Ai, Deus disse a Josué que a oração era imprópria porque Israel tinha pecado (Js 7.10-13). Que tragédia experimentar um "reavivamento" liderado por falsos profetas que promovem falsas doutrinas!

Nem todos os Adventistas do Sétimo Dia abraçam as heresias de Ellen G. White. Oremos para que os líderes do Adventismo do Sétimo Dia admitam as falsas profecias de Ellen White e se arrependam de suas doutrinas erradas. Oremos para que líderes evangélicos enfrentem o fato de que suas fileiras estão cheias de falsos profetas. Oremos por um grande clamor contra doutrinas antibíblicas. Oremos para que os líderes evangélicos de hoje corrijam fielmente os falsos profetas.

E que o restante de nós sejamos fiéis em nossas pequenas esferas de influência. Que Deus nos ajude a amar a Sua Palavra, a meditar nela de dia e de noite, a obedecê-la em nossa vida diária, e a lutarmos firmemente contra a perversão dessa Palavra pelos falsos mestres e falsos profetas de nossos dias. Que Sua Palavra seja de fato, nosso guarda e guia! (Dave Hunt, TBC 3/97, traduzido por Carlos Osvaldo Pinto)

U. S. Contador bandeira do estado.

Free counters!